Óleo de coco virou vilão? No Domingo Espetacular da TV Record

 na categoria Cérebro, Todas

Ao longo desses mais de 100 anos muita coisa de falou de gordura. Banha de porco, margarina, óleo de soja, azeite e muitos outros já foram todos condenados um dia. Agora é a vez do óleo de coco. De vedete e estrela da dieta no dia 09.03.2017 o Domingo Espetacular da TV Record mostrou uma reportagem fazendo o alerta sobre o uso do óleo de coco. Mas afinal em quem confiar? Uma médica dizia cuidado e outro médico dizia ele é bom (se assemelha ao leite materno).

oleo-coco-beneficios-como-usar

òleo de coco. Vilão ou mocinho?

O que precisamos saber? Que a célula humana possui algo muito importante que é a membrana celular. É por meio da membrana celular que os nutrientes e outras substâncias (inclusive virus e bactérias) entram para dentro do mundo incrível que é a célula humana. Acontece que a membrana celular é composta de 50% de água e 50% de lipídios (gordura). É por meio da gordura que essas substâncias escorregam pra dentro da célula (Bruce Linpton explicou isso no livro Biologia da Crença).
Não devemos ficar sem gordura, pois sua membrana é formada por ela. O problema é a conduta errada na alimentação no nosso cotidiano (o óleo de coco era usado há milênios, inclusive pela medicina ayurvédica). Comemos um monte de coisa inadequada que não é nutriente e tudo vai ficando complicado (diabetes, hipertensão, insuficiência renal, etc). Então não adianta comer as gorduras (óleos processados a frio) citados que sejam do bem como coco, azeite, porco, gergelim, abacate, linhaça ou os processados a quente (vão produtos químicos e calor) como soja, canola, girassol, milho, etc e continuar comendo tudo errado.
Por isso o alerta é: não consuma gordura de forma exagerada (pensando que vai fazer milagres) sem colocar os nutrientes corretos em sua boca. Isso não vai dar certo. Você não vai emagrecer (como muitos querem) nem vai ficar mais saudável, ao contrário, poderá fazer seu fígado trabalhar tanto, produzir tanta bile para quebrar essa molécula que você vai acabar ficando mais instável ainda.

Consuma sim gordura ou óleo de maneira inteligente (inclusive o óleo de coco, mas não consuma óleo de soja), pois você vai precisar dela para fazer seu cérebro funcionar adequadamente e não ter doenças como o alzheimer. Além das outras células do seu corpo.

Faça reflexão sobre o assunto. Pesquise, estude bastante e vá até o GOOGLE SCHOLAR para você conhecer os materiais acadêmicos sobre o assunto:
Se quiser conferir a matéria completa da Tv Record clique aqui.

 

Reflexões do Dr. Lair Ribeiro em defesa do óleo de coco:

Opção 1 – Excelente explicação. Show mesmo

 

Opção 2

Opção 3

Conheça também nossos outros trabalhos:

www.amputadosvencedores.com.br

www.palestranteflavioperalta.com

www.palestrantejaneperaltablog

Abraços a todos e todas desse planeta terra. Jane Peralta

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share This:

Deixar um comentário